segunda-feira, junho 09, 2008

ouve-se insistentemente por aqui


a cada audição gosto mais e mais.
não gostei à primeira, o que no meu caso só pode significar que vai andar por aqui para ser ouvido durante muitos e muitos dias.
os álbuns difíceis são os meus preferidos.
e há por aqui uns toquezinhos de especiarias sobretudo na yes que muito me agradam.
parece-me um álbum muito equilibrado, em que nenhuma música sobressai à primeira.
e esta capa... uma das melhores do ano, para mim.


Yes - Coldplay

11 comentários:

Parrovski disse...

Ainda conheço mal o album, mas vindo dos coldplay é sempre um album que se acaba por gostar.

Chris Mel Beckham disse...

Isto faz-me lembrar:

If you wanna be my lover, you gotta get with my friends,
Make it last forever friendship never ends,
If you wanna be my lover, you have got to give,
Taking is too easy, but that's the way it is.

Adoro os Coldplay e este blog. Melhor combinação seria impossível. Parabéns, és a maior.

just a boy... disse...

Viva Los Coldplay!!!
Grande álbum sem dúvida.
Mas se o álbum ainda não está à venda como é que o tens? Andas a praticar o download ilegal tá visto...

beijos

rjl disse...

...ainda não ouvi com atenção...vou ver se o faço...
;)
*

Francisco disse...

nem sei se o vou ouvir.

a música parece-me fraquinha.

M. disse...

Então e o que eu gosto da Lost? :)

(Não estava à espera de gostar, francamente. Mas adoro enganar-me.)

passarola disse...

e viva mesmo a vida, principalmente quando traz boas bandas sonoras! um beijo! :)

Dr. Strangeluv disse...

GRRRRR roubaste-me o tópico da semana!

De qualquer forma quero fazer uma resenha a este albúm.

Pensei que era a única a cada vez gostar mais do viva La Vida. Aquela Lovers in Japan é tão arcadiana. É Coldplay mas com uma maturidade e inovação que já se pretendia desde o Rush of blood.

E é viciante, sim, também o tenho ouvido em repeat :D

Arya Bodhisattva disse...

o que me acontece às vezes é não ligar nenhuma a álbuns que à 3ª (normalmente é certeira) audição venho a adorar.
^^

(mas esse anda na boca de toda a gente, sim.)

Andy Supertramp disse...

Primeiro estranha-se, depois entranha-se.

A minha relação com os Coldplay foi sempre assim.

Comprei o Parachutes por impulso, gostava da Yellow e da Trouble, desconhecia o resto do disco. Que maravilhosa descoberta, nunca mais quis saber de troubles e de yellows. Aconteceu o mesmo no segundo, decidi esquecer a Clocks (de a ouvir em todas as rádios 50 vezes por dia passou a insuportável) e descobri um óptimo disco.
Passou a regra, esquecer os singles e partir para a descoberta do disco. À primeira custa, depois repeat, repeat, repeat...

Este ainda não conheço, mas já está a chegar aqui ao computador. (recuso-me a dar 17 euros por um CD quando só um euro reverte para o artista, prefiro comprar um bilhete).

ângela disse...

Gosto. Gosto muito. E a capa, ui :)**