quarta-feira, junho 27, 2007

toma lá que já almoçastes!

o sentimento de vingança é primário, básico e por vezes condenável até.
mas não consigo deixar de esboçar um largo sorriso quando leio esta notícia:

saldanha sanches chumbado.

ao deparar-me com este título não podia deixar de investigar. então parece que o ilustre fiscalista e professor de direito fiscal na minha faculdade, também conhecido por aquele professor que não muda de fato , foi chumbado nas provas de agregação da faculdade, logo não poderá, pelo menos por enquanto, ser mais do que professor associado.
com este cenário surgem dois pontos a reter: o primeiro é saber se é frequente os professores chumbarem neste tipo de provas, ou se sabemos deste caso apenas por ser um nome que anda nas bocas do mundo. o segundo é saber se chumbaram o homem por a tese dele não ser meritória de decisão diferente ou se é por este professor fazer parte da comitiva do candidato do ps à câmara de lisboa.
percorrendo aqueles corredores há já quatro anos, e depois das histórias que já ouvi por ali (dando o devido desconto de haver muito mestre do boato entre aquelas paredes) não me admirava que tenha sido pela segunda razão. ou então estou aqui a arranjar uma teoria da conspiração e então mea culpa mas são já muitos anos ali... porque vejamos: os professores da minha faculdade são na sua esmagadora maioria de direita. e dão-no a conhecer o mais abertamente possível. estando o saldanha sanches agora tão envolvido não só na candidatura do antónio costa, como também em algumas medidas do governo, nomeadamente no que toca à punição dos autarcas (malandros!! ) não me parece de estranhar que quisessem lixar o pobre do saldanha.

mas tudo isto para concluir o quê?
que interiormente rejubilei com a notícia do chumbo de um professor. porque mostra que também eles estão sujeitos a avaliações e que por vezes o veneno vira-se contra eles. que se calhar também ele provou o amargo sabor da injustiça. que também todo o trabalho que ele teve não serviu para nada, toma repete e é se queres, vemo-nos para o ano burro da merda!
isto é tão feio da minha parte não é? mas como eu disse, já lá vão quatro anos, já a caminho do quinto. e todas as frustrações deixam a sua marca. espero não me ter transformado numa cabra, pelo menos tenho consciência de que esta atitude não me fica bem. mas sinto-a.
hey fdl: acho que criaram mais um monstro.

7 comentários:

refugee disse...

Depois de serem uns filhos da puta na correcção é tempo de ver como elas doem, cabrões do caralho. Além disso é bom alguém demonstraR QUE ELES NÃO SÃO O SUPRA-SUMO.

kat_Jam disse...

Calma lá que dói-me a barriga de rir:) Muito bom ...

Betty Coltrane disse...

LOLOLOLOLOLOL!!! Que a tua faculdade cria monstros já eu sabia, mas miúda, tás mesmo vingativa!!! hehe

Tenho de confessar que adooooooooorroooooooooo ir ver provas de doutoramento!!!! muahahaha!!! quando é dos meus profs então é lindo! Eles suam ali, coitados, perante o olhar de um júri, que os critica em frente a um auditório inteiro. O gozo só acaba quando me lembro q um dia talvez seja a minha vez.... ui!!

Na minha fac não há um ambiente tão hierarquizado, e os profs estão em geral mt mais próximos de nós, por isso a coisa não fica tão visceral (excepto com a joana, não sabes a pena q eu tenho de não ter assistido á prova da joana!!!)

******************************

João HB disse...

Embora às vezes não queiramos, tenho de admitir que a vingança, ahh pecado, quase sempre sabe muito bem. E o que eu gostava de ver alguns dos meus professores chumbarem, incluindo uma que apesar de passar toda a gente destila incompetência por todos os poros. Bah.

naturalissima disse...

Gostei muito deste teu último post. Sinal que estás atenta e que sabes ou procuras saber analisar e tirar proveito destas situações. É sempre bom isso. Mas por outro lado, ao terminar a minha leitura e de seguida lêr os comentários de outros, senti em mim, uma estranheza e tristeza. Onde está a razão? Onde reside a justiça? Para quê tanta raiva? De certeza que não irá solucionar, a não ser que tenham um plano e que façam cair as mascaras de muitos ditos Professores / Doutores!
Bom, amiga, desculpa-me se sai um pouco da vossa realidade.

Fica bem... e continua assim, com essse espirito critico.;-)
beijinhos

Maria del Sol disse...

Curse, amiga, faço minhas as palavras de todos os que até agora não podem deixar de sentir um certo gozo em ver os todo-poderosos também caem do pedestal e são obrigados a provar do próprio remédio... mesmo que às vezes não se tenha nada pessoal contra o professor em questão é bom, pelo menos por uma vez, sentir que eles são tão humanos como nós e passam por uns cagaços de vez em quando :P

Já deves ter reparado que tenho casa nova, és muito bem vida por lá :)

Baci!

Cataclismo Cerebral disse...

O prof teve o sabor do seu próprio veneno. É bom que isto aconteça de tempos a tempos, pode ser que a humildade se instale nessas pessoas. Além disso, torna-os tão vulneráveis como qualquer um de nós.

Bjocas