terça-feira, janeiro 02, 2007

( )

deitei-me na cama exactamente como a deixámos.
a tua almofada repousou ao meu lado a noite toda, vazia.mas ainda com o teu cheiro, eu podia senti-lo se o quisesse. e quis. muito, muito.
percorri os cantos da casa, agora já não vazia, mas vazia de nós.
lembrei-me de tudo, todos os sítios, todos os movimentos.
foi tão pouco o tempo mas tão maravilhoso o que fizémos e sentimos.

3 comentários:

passarola disse...

e viva o amor!!! ;)

kat_Jam disse...

o cheiro da almofada vazia ao nosso lado ... é terrivelmente sufocante.
Mas é tão bom ter saudades...

Anónimo disse...

Tá Bonito....mas dói!Dói muito, mesmo muito!!!!!!

...às vezes quem me dera não ver, não sentir e não xeirar.