sexta-feira, novembro 24, 2006

sem título

dia de dilúvio...
dia também de prazer infinito contigo ao meu lado, eu dou-te o meu calor em troca do teu abraço.
juntos queremos trespassar a única barreira que nos separa, a da carne, dos músculos, dos ossos...pois espiritualmente somos unos. soaram as sirenes, caíu-nos o dilúvio em cima, ecoou nos céus o trovão, empurrou-nos o vento sem nos conseguir apartar...
não temo a tempestade enquanto estiver ao teu lado.

5 comentários:

Deepak Gopi disse...

Hi:)good day

Anónimo disse...

Bonito..
Love is in the air!!.. ;)

refugee disse...

Não tenho palavras para descrever, apenas dizer que no meu caso, a simetria é perfeita.

passarola disse...

:)

beta disse...

Que lindo :)))

Eu sei. Parece conversa da treta o meu comentário; mas que é mesmo lindo o que escreveste, lá isso é :))

Beijito